• Siga o Meia-Hora nas redes!

Em nota, Ferj pede para Bota não se 'apequenar'

O posicionamento do Botafogo soou como pirraça internamente na Ferj. A entidade pressionava, até a manhã de ontem, esperando um recuo do Alvinegro. Em tom crítico, informou, em nota, que uma mudança de postura seria "uma medida sensata para o próprio clube, que não pode se apequenar diante de uma irreverência isolada de um jovem atleta, no auge da emoção de um gol e irreverência que certamente não parece representar a postura do Clube de Regatas Flamengo, principalmente num momento em que os presidentes e as instituições estão em fase de entendimento."

O descontentamento interno na Ferj ganhou eco nas palavras do gestor do Boavista, João Paulo Magalhães, torcedor declarado do Botafogo. O dirigente afirmou ao site Globoesporte.com que gostaria de jogar no Engenhão. Havia ainda a alternativa de levar o jogo para Volta Redonda, mas, segundo ele, a cidade "é muito fora de mão, e o estádio costuma ficar vazio". Torcedores rivais do Botafogo não perdoaram o caso na internet e criaram diversos memes, como "Chitãozinho e Chororô", num trocadilho em alusão à dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó.

Comentários

Mais notícias