• Siga o Meia-Hora nas redes!

Vai com tudo, Vascão!

Contra o Boavista, Trem-Bala quer hoje a segunda vitória seguida na Taça Rio

Evander chamou a galera para lotar o estádio de Cariacica: 'É importante contar com apoio da torcida'
Evander chamou a galera para lotar o estádio de Cariacica: 'É importante contar com apoio da torcida' - Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Longe de casa, em Cariacica (ES), o Vasco terá mesmo assim a força da torcida para conseguir a segunda vitória consecutiva na Taça Rio. Para encarar o Boavista, hoje, às 19h30, o Gigante da Colina se apega à boa lembrança de quando encarou o mesmo adversário na cidade capixaba. Foi pela Taça Guanabara de 2016, quando o Trem-Bala venceu por 1 a 0, com gol do volante Marcelo Mattos.

Cerca de 18 mil torcedores lotaram o Estádio Kleber Andrade naquele jogo de dois anos atrás, o que pode se repetir hoje. Pelo menos é o que espera o meia Evander.

"É importante contar com o apoio da torcida no Espírito Santo. Todas as vezes que tivemos a oportunidade de jogar lá, os torcedores encheram o estádio e não pararam de cantar em nenhum minuto. Lembro que, quando enfrentamos o Boavista lá, em 2016, o público foi muito bom e vencemos com um gol do Marcelo Mattos. Esperamos que seja assim novamente. Quando o torcedor está do nosso lado, ficamos ainda mais motivados", disse o camisa 10.

Ontem, no desembarque do time no Espírito Santo, o lateral-esquerdo Henrique elogiou a recepção dos capixabas.

"Foi muito legal ser recebido com esse carinho. A gente sabe que a torcida do Vasco é muito forte aqui. Como não costumamos vir com frequência, os torcedores aproveitam esses jogos do Carioca e do Brasileiro para matar a saudade. É uma energia legal, uma receptividade positiva, e temos que transferir isso para dentro de campo", disse.

O Vasco sabe da importância do duelo com o atual vice-campeão da Taça GB para a sequência do time no Carioca. Mesmo priorizando a Libertadores, pela qual estreará no Grupo 5 dia 13, contra a Universidad de Chile, em São Januário, o Gigante da Colina não deixa o Estadual de lado e espera, na Taça Rio, fazer campanha diferente à do 1º turno, do qual sequer chegou à semifinal.

"Não desistimos do Estadual e temos totais condições de conquistar esse título", disse Evander.

Comentários

Mais notícias