• Siga o Meia-Hora nas redes!

Ídolo pede paciência

Após despedida, Julio Cesar diz não ver o Fla em momento ruim

Julio Cesar passa por corredor formado por jogadores do Flamengo, após a vitória sobre o América-MG
Julio Cesar passa por corredor formado por jogadores do Flamengo, após a vitória sobre o América-MG - Gilvan de Souza / Flamengo

Julio Cesar se despediu do futebol em grande estilo e com direito a gritos de 'fica' da torcida, na vitória do Flamengo sobre o América-MG, por 2 a 0, sábado, no Maracanã, pela segunda rodada do Brasileirão. Em meio às palavras de alívio e de agradecimento, o agora ex-goleiro fez questão de ressaltar que o jogo foi levado a sério por todos e que serviu para apagar a crise que se formou após o empate em 1 a 1 com o Independiente Santa Fé, quarta-feira passada, pela Copa Libertadores.

"Graças a Deus as coisas correram da maneira que todo mundo imaginou e no final das contas o Flamengo saiu com a vitória e reencontrou o bom ambiente", disse Julio Cesar, que voltou a classificar como 'tempestade em copo d'água' as críticas após o empate com o Santa Fé. "Nós entendemos bem quando a torcida está insatisfeita. Isso é normal. Talvez se o time nem jogar bem, mas demonstrar raça, a torcida fica satisfeita. Nesse momento estão fazendo tempestade em copo d'água. Não vejo o Flamengo num momento ruim. A torcida tem que ter paciência. O momento não é de desespero. Eu tenho certeza que o Flamengo vai se classificar (para as oitavas de final da Libertadores)".

Ele também comentou sobre o que o motivou a parar de jogar aos 38 anos, mesmo com a oferta da diretoria para estender o seu contrato até dezembro: "O problema na coluna é complicado. Joguei com duas injeções e tomando um comprimido muito forte. Isso é prejudicial para a minha saúde".

Julio contou sobre uma conversa que teve com o maior ídolo do Fla, Zico. "Tive a oportunidade de estar com o ídolo nos últimos dias no Rio e ele me disse que eu iria morrer agora e depois lá na frente. Estou triste (com o fim da carreira), mas ao mesmo tempo feliz. O grupo é sensacional."

Comentários

Mais notícias