• Siga o Meia-Hora nas redes!

Povo peruano abraça Guerrero

O atacante Guerrero desembarcou ontem no Aeroporto Jorge Cháves, em Lima, no Peru, onde foi recebido por vários torcedores. O jogador, visivelmente abatido, voltou para casa um dia depois de o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) ter ampliado sua suspensão para 14 meses por doping ele já cumpriu seis, e não cabe mais recurso. Guerrero está fora da Copa do Mundo da Rússia, a primeira com a participação do Peru desde 1982. "Estou triste. Passo por uma injustiça, estão me tirando da Copa do Mundo. Mais do que isso é minha carreira: o futebol. Estou agradecido ao público e isso não posso negar. Agora tenho que ver que ações vou tomar com meus advogados. Estão acontecendo coisas estranhas, por isso estou aqui", disse o camisa 9, que tem contrato até agosto com o Flamengo.

A Federação Internacional dos Jogadores Profissionais de Futebol (FIFPro) solicitou uma reunião extraordinária com a Fifa para discutir o assunto.

Comentários

Mais notícias