• Siga o Meia-Hora nas redes!

Fogão vence e respira

Alvinegro bate o Vasco por 2 a 1 em São Januário, quebra jejum e sobe na tabela

O Botafogo, enfim, conseguiu a primeira vitória fora de casa no Campeonato Brasileiro. E foi em grande estilo: 2 a 1 sobre o Vasco, em São Januário, pela nona rodada. Kieza e Igor Rabello, ambos no primeiro tempo, marcaram para o Glorioso, enquanto Andrey, em um chutaço de longe, descontou para o Gigante da Colina.

O Fogão, que se afastou da zona de rebaixamento, recebe o Ceará, quarta-feira, no Estádio Nilton Santos. No mesmo dia, o Vasco vai a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro.

"Resultado muito importante. A gente estava há um tempo sem vencer. Mostra que o grupo está comprometido a fazer um grande ano", disse o lateral-direito Marcinho, em relação aos jejum de três jogos que o Botafogo amargurava.

"Primeiro tempo para esquecer, não chutamos, marcamos, nada. O Botafogo veio com foco na bola parada e não neutralizamos. Segundo tempo conseguimos fazer o gol rápido, mas não conseguimos acertar o último passe para buscar o empate", lamentou o apoiador Pikachu, enquanto a torcida protestava na arquibancada.

O clássico começou com emoção. Aos três minutos, Marcinho cruzou da direita e Kieza, de carrinho, empurrou para o gol. O Vasco, com Pikachu, respondeu em seguida, mas o chute rasteiro não levou tanto perigo à meta alvinegra. Melhor em campo nos 45 iniciais, o zagueiro Igor Rabello deixou o Botafogo confortável ao aumentar, de cabeça, após falta cobrada por Leo Valencia: 2 a 0.

No segundo tempo, o Vasco foi para cima. Aos sete, Andrey arriscou do meio da rua, o goleiro Jefferson, que ontem se tornou o terceiro jogador que mais vezes vestiu a camisa do Botafogo (453 jogos, junto com Waltencir) demorou a reagir e a bola entrou. O Gigante da Colina continuou com a pressão até o final, mas de nada adiantou.

Comentários

Mais notícias