• Siga o Meia-Hora nas redes!

Pra confirmar a boa fase

Contra a Suécia, México quer manter aproveitamento de 100%

Chicharito: poder de fogo
Chicharito: poder de fogo - AFP

Com 100% de aproveitamento até aqui no Grupo F, o México pretende provar que não foi para a Copa do Mundo da Rússia para ser uma surpresa. E o primeiro passo para a afirmação no torneio será dado hoje, contra a Suécia, às 11h (de Brasília), pela terceira rodada da fase de grupos. Uma vitória, além da manutenção do excelente aproveitamento, garante a seleção nas oitavas de final.

"Nós estamos construindo uma equipe com capacidade para competir. Temos coragem. Jogamos com coragem para ganhar da campeã do mundo (Alemanha) e da Coreia. Amanhã (hoje) vai ser uma outra oportunidade para dar um passo a mais e nos consolidarmos como equipe, mostrando ao mundo que o futebol latino-americano tem valor", disse Juan Carlos Osorio, treinador do México.

Capitão da Suécia, Andreas Granqvist, de 33 anos, pode fazer sua última partida pela seleção, mas espera não ter que pendurar a sua chuteira hoje.

"Será difícil e emocionante, independentemente de qualquer coisa. Pode ser minha última partida, mas é uma final para nosso time. Vamos focar na Copa enquanto estivermos aqui", frisou, confiante.

Para Granqvist, que ficou muito abalado com a derrota para a Alemanha na rodada passada, nos acréscimos do segundo tempo, o sentimento é que a Suécia poderia estar tranquila na chave. Mas, enquanto houver chances... "Nosso destino continua em nossas mãos e vamos trabalhar duro para jogar o melhor que podemos", disse.

Comentários

Mais notícias