• Siga o Meia-Hora nas redes!

Psicóloga leva tiro no Grajaú

Bandidos tentavam roubar carro ao serem surpreendidos por PMs

Uma psicóloga foi atingida por uma bala perdida, na quinta-feira à noite, no Grajaú, na Zona Norte do Rio. Maria Luiza Panza Bruno, de 37 anos, estava em um bar, com o namorado, quando criminosos tentaram roubar um carro na Rua Canavieiras.

De acordo com a Polícia Militar, os criminosos, que estavam em um carro, tentaram roubar um veículo na rua do bar onde estava Maria Luiza, por volta das 21h. Ao perceberem a aproximação de policiais do 6º BPM (Tijuca), os assaltantes começaram a atirar, fugindo em seguida.

A polícia fez um cerco na região, mas não conseguiu localizar os criminosos. No momento do crime, os bares da região estavam lotados e houve correria. Há uma semana, um garçom morreu atingido por bala perdida durante um confronto entre bandidos e policiais, na Tijuca, bairro vizinho ao Grajaú.

Maria Luiza foi atingida na barriga e levada pelos PMs para o Hospital Federal do Andaraí, também na Zona Norte, e, de madrugada, foi transferida para o Norte D'Or, em Cascadura.

De acordo com a direção do hospital, a bala está alojada e, por pouco, não atingiu a medula da psicóloga, o que poderia deixá-la paraplégica.

Antes de ser transferida, a paciente passou por avaliação clínica e fez exames de imagem. Segundo boletim divulgado ontem à tarde, o quadro de saúde dela é estável.

Comentários