• Siga o Meia-Hora nas redes!

Quatro covardes atacam mulher

Trastes deram gravata em cuidadora de idosos

Uma cuidadora de idosos foi violentamente atacada e roubada por quatro bandidos, quando chegava ao trabalho, às 7h40 de terça-feira, na Rua Prudente de Moraes, em Ipanema, na Zona Sul do Rio. A mulher, que pediu para não ser identificada, tinha acabado de comprar pão para a patroa. Ela levou uma gravata e teve os pertences roubados. Os assaltantes ainda pegaram a sacola de pão, mas largaram logo depois. O ataque foi gravado por câmeras de segurança da região.

Ontem, a mulher ainda não conseguia tirar da cabeça os piores momentos da sua vida. "O porteiro disse que eles me seguiram. Não os vi. Foi sem ao menos eu esperar, me abordaram e me deram uma gravata, todos descalços, não pude fazer nada e eles gritando 'passa, passa, passa, é um assalto', e levaram minhas coisas todas. Eu pensei que iam me matar enforcada. Pensei: vou morrer aqui. Não falei nada, fiquei sem ação, minhas pernas tremiam e a voz não saía", contou a vítima.

Moradora de São Gonçalo, a mulher disse que o ataque foi assustador. "Foi uma covardia o que fizeram comigo. Por que não me pediram para entregar a bolsa? Não precisava ter me agredido daquela maneira", contou, acrescentando que os bandidos levaram celular, carteira, um cordão de ouro e um relógio, que tinha ganhado de presente das filhas, além do Riocard e cartões.

A filha da patroa da vítima, que mora na Suíça e está de férias no Rio, lamentou. "Esta é a realidade do Rio e não deveria acontecer em lugar nenhum. Digo a todos (na Suíça) que é muito perigoso aqui e para não virem. Um daqueles poderia ter até matado ela", disse.

Comentários

Mais notícias