• Siga o Meia-Hora nas redes!

De novo na VK

Exército volta para retirar barricadas do tráfico

Coletes e fuzis falsos apreendidos por PMs após o Exército sair
Coletes e fuzis falsos apreendidos por PMs após o Exército sair - Divulgação/PMERJ

As Forças Armadas voltaram à Vila Kennedy, ontem, para mais uma operação de retirada de barricadas instaladas pelo tráfico. Foi a terceira operação na comunidade da Zona Oeste do Rio em nove dias. Nas duas vezes anteriores, mal os militares viraram as costas, os bandidos voltaram a erguer os obstáculos, em um claro desafio às autoridades.

Na operação de ontem, segundo o Comando Conjunto das Operações em Apoio ao Plano Nacional de Segurança Pública, foram empregados 900 militares, entre soldados do Exército e fuzileiros navais, com apoio de helicópteros, veículos blindados, retroescavadeiras e até drones, que vigiavam a movimentação na comunidade para prevenir qualquer ação dos traficantes. Em ação anterior, no sábado passado, foram utilizados 1.400 militares.

No domingo, durante confronto entre PMs da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) e traficantes locais, um idoso morreu, atingido por uma bala perdida na cabeça, e uma mulher foi baleada na coxa. Na terça-feira, policiais do Comando de Polícia Pacificadora (CPP) e da UPP local voltaram a fazer operação na comunidade e apreenderam um adolescente.

Segundo o Comando Conjunto, o balanço das operações só será divulgado no fim desta semana. Ontem, policiais da UPP local apreenderam dois coletes à prova de balas e três réplicas de fuzil. Segundo a PM, as apreensões ocorreram durante patrulhamento de rotina, após a saída das Forças Armadas.

Comentrios

Mais notcias