• Siga o Meia-Hora nas redes!

História perto de um final feliz

Segundo o advogado Washington Luiz Tavares, Leonardo continuará a responder ao processo em liberdade, até que sua situação seja oficialmente resolvida. O pedido de prisão aconteceu depois que o bandido Leandro de Souza Rodrigues cadastrou uma linha telefônica no nome do estudante.

"Ele (Léo) vai ser absolvido. Nós teremos testemunhas e estou pedindo uma perícia da voz do criminoso para comparar com a do meu cliente. Se ele quiser processar o estado, isso só acontecerá mais para frente. Primeiro, a parte criminal tem que ser resolvida", esclareceu o advogado.

Comentários

Mais notícias