• Siga o Meia-Hora nas redes!

Dupla procurada

Recompensa por informações de mãe e filho

Denis Furtado e sua mãe, Maria de Fátima, são foragidos da Justiça
Denis Furtado e sua mãe, Maria de Fátima, são foragidos da Justiça - Arquivo Pessoal

Há quatro dias foragido, o médico Denis César Furtado, popularmente conhecido como Dr. Bumbum, teve o pedido de habeas corpus negado pela Justiça na manhã de ontem. E o rosto estampado, ao lado da mãe, Maria de Fátima, também foragida, no Portal de Procurados.

O Disque Denúncia divulgou, ontem, que está oferecendo uma recompensa de R$ 1 mil para quem der informações que possam levar às prisões de Denis César Barros Furtado, de 45 anos, conhecido como Doutor Bumbum, e de Maria de Fátima Barros Furtado, 66. Mãe e filho, eles são apontados como os principais envolvidos na morte da bancária Lilian Calixto, de 46 anos. A gerente de banco morreu após se submeter a um procedimento estético no apartamento do médico, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade, no último fim de semana. Os dois já são considerados foragidos da Justiça.

Na tarde de ontem a namorada de Denis, Renata Fernandes Crine, 19 anos, foi transferida para o Centro de Triagem de Benfica, na Zona Norte do Rio. Desde domingo ela estava detida na 16ª DP (Barra da Tijuca).

Já a empregada Rosilane Pereira da Silva ainda não teve sua prisão autorizada pela Justiça. Segundo a Polícia, ela teria emprestado o nome para a abertura da clínica de Denis, que na verdade é um salão de beleza.

Além de ser réu em dez processos no Tribunal de Justiça do Rio, Denis Furtado responde a um processo encaminhado pelo Conselho Regional de Medicina do Rio (Cremerj). Em nota, o órgão afirma que Denis não poderia trabalhar no Rio, porque só tem registro ativo nos conselhos regionais de Goiás e do DF.

Comentários

Mais notícias