• Siga o Meia-Hora nas redes!

Quase R$ 50 mil em dinheiro e joias em cobertura

Luis Anderson Coutinho, um dos líderes da quadrilha, chegou a ser alvo das investigações da morte da juíza Patrícia Acioli, assassinada em 2011. No entanto, sua participação no crime não foi comprovada. O contraventor também já cumpriu cinco anos por homicídio.

Em sua casa, uma cobertura com piscina em Icaraí, na Zona Sul de Niterói, os policiais encontraram quase R$ 50 mil em espécie e joias, muitas de ouro. Um recibo detalha a compra de um anel de ouro de 18 quilates com brilhantes, um pingente de ouro de 18 quilates com brilhantes e um cordão também de ouro de 18 quilates. O total da compra foi de R$ 6,5 mil.

O irmão de Luís Anderson, Alexandre, preso em Cabo Frio, tinha em seu poder um veículo e material de contabilidade de apostas. Todos os denunciados tiveram os bens e contas bancárias bloqueados.

Comentários

Mais notícias