• Siga o Meia-Hora nas redes!

Dançarino é executado

Amigos disseram que assassinato foi motivado por homofobia

Benes Júnior, 16 anos, e o pai
Benes Júnior, 16 anos, e o pai - Reprodução do Facebook

Um jovem de 21 anos foi morto a tiros, noite de quarta-feira, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Segundo testemunhas ouvidas pela polícia, o dançarino Mateus Felipe Santos da Cruz conversava com amigos na Rua São Simão, no bairro Ponto Chic, quando homens em uma moto atiraram contra ele. Policiais do 20º BPM (Mesquita) e da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) foram acionados e estiveram no local. As causas do crime ainda são desconhecidas e investigadas pela DHBF.

Nas redes sociais, diversos amigos de Mateus lamentaram a sua morte e acreditam que ele tenha sido vítima de homofobia. "Homofobia é crime! Mateus Felipe, você foi o que você deveria ser", disse um. "Você sorriu, você se divertiu, tinha muito a viver ainda, mas a homofobia deu um ponto final nos seus sonhos. Não vamos nunca nos calar", desabafou outro.

Comentários

Mais notícias