• Siga o Meia-Hora nas redes!

Roubos por encomenda

Bando usava site de compra e venda para atrair e assaltar vítimas

O tiro entrou pelo para-brisa do carro e atingiu um policial civil
O tiro entrou pelo para-brisa do carro e atingiu um policial civil - Divulgação/PCERJ

Policiais da 23ª DP (Méier) desbarataram uma quadrilha que usava site de compra e venda para atrair vítimas para assaltos, na Zona Norte do Rio. Na perseguição a um dos bandidos, houve troca de tiros e um policial civil foi atingido no rosto por uma bala que entrou pelo para-brisa do carro descaracterizado usado na ação. A bala entrou pelo maxilar e ficou alojada a poucos milímetros da coluna vertebral, o que poderia deixá-lo tetraplégico, segundo médicos que o atenderam, no Hospital Salgado filho, no Méier.

O criminoso, identificado como Tawan da Silva Marques, o 'Menor do Jaca', também foi baleado, na coxa. Ele foi perseguido e preso logo após roubar uma vítima. Com ele foram apreendidos uma pistola e os pertences roubados.

Segundo a polícia, os criminosos publicavam anúncios falsos no site e verificavam quem estava procurando produtos entre R$ 2 mil e R$ 6 mil. As vítimas eram contatadas por WhatsApp por Jonathan de Souza Oliveira, o 'JJ', que cumpre pena no presídio Estadual Cotrim Neto, em Japeri. Marcado o local para 'entrega' da mercadoria, Tawan ia ao encontro e praticava o assalto. Uma revista na cela de 'JJ' encontrou o celular usado pelo bandido. O delegado Hilton Alonso, da 23ª DP, disse que agora a tarefa da equipe será identificar outros membros do bando.

Comentários

Mais notícias