• Siga o Meia-Hora nas redes!

Suspensão de campanha do PT

O Partido Novo, do candidato à Presidência João Amoêdo, pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a suspensão da propaganda eleitoral da chapa presidencial do PT. O partido acusa a coligação 'O Povo Feliz de Novo' de descumprir a ordem judicial da Corte, que impugnou a candidatura de Lula na madrugada de sábado. A ação visa, sobretudo, os programas de rádio e TV. No sábado, Lula e Haddad apareceram nos programas televisivos sem a indicação de quem era o candidato. Para o Novo, o PT "deixa claro que não está disposto a seguir o caminho da legalidade". A ação pede também a retirada de 11 publicações da página de Lula no Facebook e apuração pelo Ministério Público sobre a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na campanha.

Comentários

Mais notícias