Mais Lidas

Carro que atropelou e matou ciclista é encontrado pela Polícia Civil

O motorista responsável pelo atropelamento já foi identificado

Marina Harkot, de 28 anos, foi vítima de um atropelamento no último domingo
Marina Harkot, de 28 anos, foi vítima de um atropelamento no último domingo -
São Paulo - Na madrugada desta terça-feira, a Polícia Civil encontrou o veículo que atropelou e matou a ciclista Marina Harkot, no último domingo. Apesar do acidente ter acontecido na Zona Oeste da capital paulista, o carro foi encontrado no centro de São Paulo e levado para a delegacia. As informações são do Portal G1. 
O placa do veículo é de Inconfidentes, município de Minas Gerais, assim como o atual proprietário, que já foi identificado. O homem que consta como dono do veículo, de acordo com os documentos, alegou que vendeu o carro em 2017, informação já confirmada pelas investigações. A polícia espera que o motorista responsável se apresente nesta semana, mas não poderá prendê-lo por conta da lei determinada pelo Código Eleitoral, que proíbe a prisão de eleitores cinco dias antes do domingo de eleição
Nesta segunda-feira, os ativistas e amigos de Marina fizeram uma homenagem a ela e escreveram frases nas avenidas Paulo VI, onde a vítima foi atropelada. Eles também fizeram protestos pela cidade no domingo, dia do acidente, pedindo justiça pela morte da jovem e mais segurança no trânsito