Mais Lidas

PM vai investigar denúncias de agressões a alunos do CFAP

Texto publicado nas redes sociais do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da PM determina afastamento do instrutor denunciado

Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da PM, em Sulacap
Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da PM, em Sulacap -
Rio - A Polícia Militar do Rio irá investigar denúncias de agressões a alunos Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da PM (CFAP), em Sulacap, na Zona Oeste.
A informação publicada pelo portal G1 diz que alunos da 2ª Companhia sofreram lesões depois de serem agredidos repetidas vezes com uma uma vara de madeira. As denúncias foram repassadas para o comando do CFAP.  
A informação foi publicada nesta sexta-feira (19) nas redes sociais do Centro de Formação. Em um trecho do texto, o comandante explica que "o instrutor adotou procedimento não recomendado pelos órgãos de ensino da corporação".  
Diante do fato, foi determinado o afastamento imediato do instrutor e a abertura de inquérito policial interno para apuração. 
A Secretaria Estadual de Polícia Militar disse que acompanha o fato e também abriu inquérito para apurar as denúncias. "Depoimentos serão colhidos e os alunos envolvidos no caso passarão por exames de corpo de delito", disse a PM.
Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da PM, em Sulacap Cléber Mendes/Agência O Dia/Arquivo
Comandante do CFAP divulga nota sobre denúncias de agressões a alunos da PM Reprodução G1