Mais Lidas

Contraditório! Ministro da Saúde apela para que população utilize máscaras, mas critica uso obrigatório

Ministro da Saúde pediu para que a população fique em casa no feriado de Páscoa

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga
Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga -
Brasília - Em vídeo publicado nas redes sociais neste sábado (27), o ministro da Saúde Marcelo Queiroga apelou para que a população brasileira se conscientize e utilize máscaras de proteção para conter a pandemia de Covid-19 . Apesar disso, ele criticou o uso obrigatório.
Queiroga disse que, nesse momento, é "muito importante orientar" a população, e alertou para o feriado de Páscoa , que acontece na próxima semana. "Temos um feriado se aproximando, o feriado da Semana Santa e, nesse feriado, aproveite para fazer a sua reflexão cristã em casa com sua família. Evite aglomerações".

O ministro acrescentou que as famílias gostam de se reunir na data, mas que tudo deve ser feito com cautela. "Façam isso, mas usando máscaras e guardando o distanciamento recomendado pelas autoridades sanitárias. É muito importante, para todo o Brasil, que consigamos aderir às recomendações das autoridades sanitárias do Brasil", declarou.

Em seguida, Queiroga aproveitou para criticar leis que obrigam o uso de máscaras . "Não é com lei, obrigando as pessoas a usar máscaras e multando as pessoas na rua que vamos resolver esse problema, é uma questão de conscientização. Cada um tem que saber do seu papel", afirmou.

O ministro ainda defendeu o SUS e prometeu acelerar a campanha de vacinação contra a Covid-19 . "Fortalecer o SUS é a saída para resolver o problema da pandemia da Covid-19. E a vacina é uma meta que precisa ser cumprida". Assista: