• Siga o Meia-Hora nas redes!

História pra lá de esquisita

Uma menina de 11 anos que alegou ter sido estuprada por 14 homens durante uma festa em Praia Grande, no litoral paulista, inventou a história para evitar que apanhasse de uma amiga, da mesma idade, segundo o delegado titular da cidade, Carlos Henrique Fogolin de Souza. A polícia quer saber, agora, o que levou a médica que atendeu a criança a atestar indícios de abuso sexual.

Comentários

Mais notícias