• Siga o Meia-Hora nas redes!

Outra mala com R$ 500 mil

Joesley teria pago propina a senador

Nogueira: mala com R$ 500 mil
Nogueira: mala com R$ 500 mil - Marcelo Camargo/Agência Brasil

O empresário Joesley Batista, do grupo J&F, confirmou, em depoimento à Policia Federal, ter pago R$ 500 mil em dinheiro ao senador Cid Nogueira (PP-PI), presidente nacional do Partido Progressista como propina.

O dinheiro foi entregue em uma mala, na garagem da casa do ex-diretor da J&F, Ricardo Saud, após uma reunião com o senador. O depoimento de Joesley aconteceu no dia 6.

Segundo Joesley, o encontro aconteceu em 17 de março do ano passado. O empresário disse no depoimento que o encontro foi gravado para registrar as tratativas de entregar R$ 500 mil a Ciro Nogueira. A entrega do dinheiro havia sido relatada por Joesley em outro depoimento, mas sem detalhes.

O advogado do senador negou as acusações.

Galeria de Fotos

Nogueira: mala com R$ 500 mil Marcelo Camargo/Agência Brasil
Detidos no dia 7 são conduzidos para a cadeia: operação em sítio Daniel Castelo Branco

Comentários

Mais notícias