• Siga o Meia-Hora nas redes!

Recurso negado

A vice-presidente do TRF-4, desembargadora Maria de Fátima Freitas Labarrère, negou ontem recurso da defesa de Lula para suspender a decisão que condenou o ex-presidente a 12 anos e 1 mês de prisão. Lula cumpre a pena desde 7 de abril em uma sala especial na sede da Polícia Federal em Curitiba. A defesa alegava que ter havido "violação ao juiz natural", e que Sergio Moro não teria competência para julgar os casos da Lava Jato. A defesa de Lula sustenta a suspeição de Moro e a "inobservância do princípio da ampla defesa, a atipicidade e equívocos na dosimetria da pena".

Comentários

Mais notícias