• Siga o Meia-Hora nas redes!

Ministro do Trabalho cai

O ministro do Trabalho, Helton Yomura (PTB), pediu demissão ontem após ser afastado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a pedido da Polícia Federal, que cumpriu mandados de busca na casa dele, no Rio de Janeiro, e no gabinete do deputado Nelson Marquezelli (PTB-SP), na Câmara, em Brasília. O ministro é um dos alvos da operação Registro Espúrio, que investiga esquema de fraudes em registros de sindicatos no Ministério do Trabalho e cobrança de propina. Yomura foi interrogado na sede da PF em Brasília e permaneceu em silêncio. O STF determinou também a prisão do chefe de gabinete de Yomura, Júlio de Souza Bernardes; do superintendente regional do trabalho no Rio, Adriano José de Lima Bernardo; e de Jonas Antunes Lima, assessor de Marquezelli.

Comentários

Mais notícias