• Siga o Meia-Hora nas redes!

Em maus lençóis

Atriz pornô afirma que teve caso com Trump

Trump pagou 130 mil dólares para Stormy ficar quietinha
Trump pagou 130 mil dólares para Stormy ficar quietinha - AFP

A atriz pornô Stormy Daniels quer botar a boca no trombone e deixar o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em maus lençóis. Ela afirma ter vivido um romance com Trump entre 2006 e 2007, época em que ele já era casado com atual esposa, Melania. A atriz recebeu 130 mil dólares (cerca de R$ 425 mil) por um acordo de confidencialidade e agora quer cancelá-lo.

Nesta terça, ela entrou com processo em Los Angeles pedindo que o trato seja "inválido, inaplicável e/ou nulo" porque foi assinado pelo advogado Michael Cohen e não pelo próprio Trump. O documento foi validado pouco antes das eleições de 2016. De acordo com o processo, Trump estava ciente do pagamento, feito dias antes da disputa presidencial.

Michael Avennatti, advogado da atriz, revelou no Twitter o período da relação íntima e que eles se encontraram várias vezes em um hotel em Beverly Hills, em Los Angeles. Donald Trump se casou com Melania em janeiro de 2005, e Barron, único filho do casal, nasceu em março de 2006.

Envolvido em escândalos

Avenatti afirma que Cohen foi atrás de sua cliente pouco antes das eleições para selar o pacto e proteger a imagem do candidato, que já estava envolvido em escândalos. O advogado do presidente teria voltado a procurar a atriz no começo do ano para intimidá-la. O caso está nas mãos da Comissão Eleitoral Federal dos EUA, que abriu investigação para analisar o pagamento e averiguar se há relação com denúncias de suposto desvio de fundos da campanha de Trump.

Comentrios

Mais notcias