• Siga o Meia-Hora nas redes!

Mochila à prova de bala

Produto foi criado após massacre em escola na Flórida

Um fabricante israelense de produtos de segurança exporta mochilas à prova de balas para os EUA. "Fizemos o projeto sob demanda de nossos distribuidores nos Estados Unidos após a enorme comoção causada pelo massacre na Flórida", explica Snir Koren, presidente da Masada Armour, lembrando o assassinato de 17 pessoas em uma escola em Parkland, em fevereiro.

A mochila cobre as costas e o peito com colete, e foi certificada pelo Exército e pela polícia de Israel. "Em dois meses vendemos centenas de mochilas; vamos aumentar a produção para 500 unidades por mês", diz.

O modelo básico, que pesa 2,9 kg, protege contra disparos de pistola de 9 mm e custa 500 dólares (cerca de R$ 2 mil). Uma versão melhorada, mais pesada, protege dos disparos de fuzis de assalto M-16 e AK-47, e custa mais de 700 dólares (cerca de R$ 3 mil). A empresa está desenvolvendo um modelo mais leve e menor, para crianças.

Comentários

Mais notícias