Mais Lidas

Inquérito sobre malformações

Preocupação com bebês sem braços

O governo da França começou a fazer uma nova investigação sobre o nascimento de bebês sem braços em várias regiões do país, informou a Ministra da Saúde, Agnès Buzyn.

Anualmente, entre 80 e 100 bebês nascem com a malformação de membros no país. As causas podem ser genéticas, ligadas a limitações físicas ou devido à presença de substâncias tóxicas na alimentação, no meio ambiente e até mesmo em medicamentos, como foi o caso da talidomida, usada como sedativo.

Buzyn explicou que decidiu relançar a investigação junto com o Ministro da Ecologia, François Rugy, para terem uma visão cruzada entre médicos e ambientalistas. "Não podemos nos contentar em dizer que não encontramos as causas, isso é insuportável", declarou ontem a ministra.