• Siga o Meia-Hora nas redes!

Nova descoberta

Gene tornaria gripe muito perigosa para alguns

Pesquisadores anunciaram a descoberta de um gene, cujas mutações podem, em última análise, transformar uma simples gripe em uma encefalite, infecção no cérebro que, se não for tratada rapidamente, pode ser mortal. "É uma nova doença genética que foi identificada", explicou o instituto de pesquisa genética parisiense Imagine.

"A doença se traduz em uma vulnerabilidade extrema a infecções virais, normalmente sem gravidade, atingindo particularmente o tronco cerebral", acrescentaram.

O gene em questão, chamado DBR1, tem efeitos diversos sobe as pessoas, diante de vírus comuns, presentes em nosso meio ambiente: influenza, norovírus (que causa gastroenterite) e HSV1 (herpes tipo 1).

Os pesquisadores do instituto Imagine e do instituto Rockefeller, de Nova York, provaram que, em algumas crianças, uma série de mutações nesse gene perturba a defesa contra esses vírus.

Na grande maioria das crianças, as defesas imunológicas tornam essas doenças benignas. Mas, em outras, o vírus causará uma complicação muito séria, uma encefalite viral grave infecção do tronco cerebral , que é "responsável por várias funções vitais".

"Essa descoberta melhorará o diagnóstico, o aconselhamento genético às famílias e o tratamento de pacientes com sinais dessa infecção", ressaltou o instituto Imagine.

Shen-Ying Zhang, a principal autora do artigo que descreveu a descoberta na revista médica 'Cell', busca agora "criar e estudar modelos que reproduzam a doença para melhor preveni-la e tratá-la".

Comentários

Mais notícias