• Siga o Meia-Hora nas redes!

Um homem apaixonado

Emilio Dantas fala sobre o triângulo amoroso entre Beto Falcão, Karola e Luzia

Como se já não bastassem todas as confusões que fazem parte da história de Beto Falcão, personagem de Emilio Dantas na novela Segundo Sol, da Globo, o cantor de axé ainda encara o dilema de não poder viver sua paixão por Luzia (Giovanna Antonelli). Tudo porque se sente responsável pela família que construiu com Karola (Deborah Secco) nos últimos 18 anos.

"O Beto é um homem fraco. Mas acho que foi a questão da família que faz ele ser assim. Ele estava disposto a largar tudo até acontecer o acidente de carro com Valentim (Danilo Mesquita). Ele passou os últimos 18 anos ao lado de Karola, o apoiando. E isso pesou na decisão dele. No final das contas, Beto se transformou em alguma coisa que nem ele sabe o que é e nem eu. Ainda estou buscando quem ele é agora", avalia Emilio.

Beto bem que tentou reatar com Luzia, mas a DJ fez de tudo para se afastar do seu grande amor, com medo de parar na cadeia. A partir daí, o cantor resolveu renovar os votos com Karola. "Ele não está priorizando a Karola, ele está priorizando a criação do Valentim. Beto se reaproximou da Luzia e, mesmo assim, ela sumiu. O que sobra para esse cara? A aceitação de Karola, mas tudo isso pelo filho que eles têm", analisa o ator.

De acordo com Emilio, o futuro de Beto Falcão só começa a mudar a partir do momento em que ele retoma sua carreira musical, com novo nome artístico, Marçal. "Ele está compondo e está querendo lançar novas músicas, está querendo botar isso pra jogo. Ele será rebatizado como Marçal e assume essa nova identidade musical", afirma o ator.

Comentários

Mais notícias