• Siga o Meia-Hora nas redes!

Planos de saúde aumentam dia 1º

Convênios coletivos serão corrigidos em até 19%

Usuários de plano de saúde terão que desembolsar uma grana a mais a partir do dia 1º. Depois dos planos individuais, que terão correção de até 10%, agora chegou a vez dos coletivos aqueles com mais de 30 usuários , terem reajuste. Embora a inflação oficial acumulada nos últimos 12 meses tenha ficado em 2,85% em maio, os mais de 39,2 milhões de beneficiários terão que desembolsar quase 19% a mais. E esse aumento pode se tornar uma dor de cabeça para os consumidores. Isso porque, apesar dos aumentos estarem previstos em contrato as operadoras podem negociar o reajuste livremente com representantes das "30 vidas" a cada 12 meses , é preciso ficar de olho para não pagar um reajuste abusivo, alerta o Instituto de Defesa do Consumidor (Idec).

Mas por que isso ocorre? Como a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) não regula estes reajustes anuais, pois avalia que o poder de negociação entre operadoras e empregadores (ou pessoa jurídica) seja mais equilibrado.

Mesmo diante desse cenário desanimador, pesquisa do Idec mostra que três em cada quatro consumidores que entraram na Justiça, entre 2013 e 2017, questionando o reajuste do plano de saúde coletivo conseguiram suspender o aumento.

Comentários

Mais notícias