• Siga o Meia-Hora nas redes!

Guerra do tráfico leva terror a Belford Roxo

Traficante PL é morto e decapitado por rivais ao tentar invadir Morro do Machado

Traficantes em Belford Roxo bloqueiam as ruas com barricadas, como esta a 8 km de Parque Floresta
Traficantes em Belford Roxo bloqueiam as ruas com barricadas, como esta a 8 km de Parque Floresta - Daniel Castelo Branco

A guerra do tráfico vem deixando rastros de horror em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Esta semana, mais de 7 mil alunos da rede municipal de educação ficaram sem estudar e pelo menos oito instituições de ensino ainda não têm previsão de retornar às atividades. Tudo por medo dos conflitos entre bandidos das facções Comando Vermelho (CV) e Terceiro Comando Puro (TCP), que se arrastam desde segunda-feira e deixaram pelo menos dois mortos, identificados como traficantes pela Polícia Civil.

De acordo com o delegado Luiz Henrique Guimarães, da 54ª DP (Belford Roxo), o traficante Pablo Santos da Silva, conhecido como PL, foi morto e decapitado ao tentar invadir a comunidade Morro do Machado. PL era um dos chefes do tráfico nas favelas Caixa D'água e Parque Floresta, vizinhas ao morro invadido.

"Na segunda-feira, já havíamos prendido o traficante Bruno Rodrigues, vulgo Skol, do grupo do PL. Outro criminoso conhecido como Zidane também morreu no conflito", relatou o delegado.

O traficante conhecido como Skol é o segundo no comando do tráfico dos Morros da Caixa D'água e Parque Floresta e assumiria o controle do CV na região após a morte de PL. Ainda de acordo com o delegado, Skol participava ativamente dos roubos na região.

Comentários

Mais notícias