• Siga o Meia-Hora nas redes!

Um cara chamado 'Sr. Liderança'

Marcus Di Giacomo, Diretor Artístico da Rádio Tupi
Marcus Di Giacomo, Diretor Artístico da Rádio Tupi - DIVULGAÇÃO

Liderar é complexo em qualquer atividade. Mas liderar pessoas num ambiente onde existe vaidade, virtudes artísticas e busca incessante de resultados, aí é ainda mais complexo.

Em meus 40 anos de carreira na comunicação, passando por jornais, revistas, TV e especialmente no rádio, tive a sorte de trabalhar com grandes diretores, alguns eram chefes... Outros, líderes! A diferença é clara. Enquanto alguns diretores até procuravam ser eficientes, faltava claramente o preparo pra ser exemplo, pra motivar, pra liderar.

Um bom exemplo de liderança na área artística encontrei na Rádio Globo, nos anos 90: Mário Luiz Barbato. Para muitos, ele foi o inventor do rádio moderno no Brasil.

Conheci outros grandes nomes de diretores artísticos, como Luiz Augusto Biasi, Quintino Oliveira, Cláudio Zappe, Clélio Dal Piaz, Renan Miranda, Péricles Leal e... Marcus Di Giácomo!

Assim como Mário Luiz Barbato reconfigurou o rádio no Rio e por consequência no país nos anos 70, na Rádio Globo, Marcus Di Giácomo, atualmente, revoluciona a linguagem do veículo numa época de transformações radicais, com o boom das mídias digitais.

Liderando a programação mais ouvida do Brasil, na Rádio Tupi do Rio de Janeiro, Marcus Di Giácomo entendeu o cenário da comunicação e investiu na busca de uma identidade que consolidasse o rádio como parceiro da população, acelerando seu dinamismo e ampliando seu alcance em várias plataformas, mas valorizando conteúdo e forma que só o rádio pode oferecer. Com origem profissional em Santa Maria (Rio Grande do Sul), trocou seus empregos (na área comercial de uma emissora e no microfone de outra importante rádio gaúcha), aceitando o desafio da cidade grande. No Rio, foi produtor, redator, sonoplasta, coordenador e finalmente diretor.

Sob sua liderança, a Super Rádio Tupi alcançou a primeira colocação no ranking de audiência no Estado do Rio de Janeiro e se colocou como a emissora mais ouvida do Brasil. Daí a campanha "#SEGUEALÍDER".

Pai da Amanda e da Maria Eduarda, o gaúcho que fez a rádio mais bem-sucedida do Brasil tem nome e sobrenome: Marcus Di Giácomo, mas pode chamar de... Sr. Liderança!

Comentários

Mais notícias