• Siga o Meia-Hora nas redes!

André 'Vaz' assumir a presidência do Salgueiro

Regina Celi precisará sair em até 48 horas, sob pena de multa de R$ 1 mil por dia

André Vaz deve tomar posse como novo presidente do Salgueiro
André Vaz deve tomar posse como novo presidente do Salgueiro - Arquivo Pessoal

O Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) determinou ontem que a presidente do Acadêmicos do Salgueiro Regina Celi deixe o cargo junto a toda sua diretoria executiva. Na decisão, a juíza Renata Gomes também deu posse ao candidato de oposição André Vaz, da Chapa 2, que há meses pleiteava judicialmente o cargo. Celi precisará deixar a presidência da escola de samba em até 48h, sob pena de multa de R$ 1 mil por dia.

Na última terça-feira, o presidente da comissão eleitoral do Salgueiro, Marcelo Monteiro, já havia determinado a imediata posse de Vaz, mas Regina continuava à frente dos compromissos da escola de samba.

De acordo com Regina, a determinação judicial será cumprida. "As medidas cabíveis já foram tomadas para suspender a liminar", disse Regina Celi, que estava há 10 anos à frente da agremiação do Andaraí, na Zona Norte do Rio.

Na sentença, a magistrada do Tribunal de Justiça reforçou o parecer de maio que declarou Celi inelegível, já que pela regra da escola só seriam permitidos dois mandatos seguidos da presidência. Para a juíza, a recusa da Chapa 1 em desocupar os cargos "põe em risco a gestão e a estabilidade política da escola da GRESAS, bem como a autoridade das decisões judiciais e da própria Comissão Eleitoral, as quais estão sendo frontalmente ignoradas".

Comentários

Mais notícias