Mais Lidas

Procon Rio das Ostras combate propaganda enganosa na Black Friday

O objetivo da ação foi fiscalizar direitos dos consumidores e certificar descontos verdadeiros

Nenhum estabelecimento foi autuado e os anúncios de descontos estavam dentro do que a lei determina, segundo o Procon
Nenhum estabelecimento foi autuado e os anúncios de descontos estavam dentro do que a lei determina, segundo o Procon -
Rio das Ostras - O Procon Rio das Ostras realizou na última sexta-feira (27), data comercial da Black Friday, uma mega operação de fiscalização ao Direito do Consumidor nos comércios do município.
A equipe que, desde o início do mês de novembro, já estava verificando os preços dos produtos mais vendidos nas principais lojas da cidade, retornou aos estabelecimentos na famosa ‘sexta-feira dos descontos’ a fim de garantir que as mercadorias estavam de fato com preços mais baratos. 
O trabalho do Procon protegeu os consumidores riostrenses de publicidade enganosa nos descontos, além de fortalecer a importância do distanciamento nas filas e o controle do fluxo de pessoas no interior dos estabelecimentos, visando coibir aglomerações, no contínuo combate à Covid-19.
População pode fazer denúncias de comércios que não estejam cumprindo a lei do consumidor pelo (22) 2771-6581 e faleprocon@gmail.com - Divulgação
População pode fazer denúncias de comércios que não estejam cumprindo a lei do consumidor pelo (22) 2771-6581 e [email protected]Divulgação
O coordenador do Procon, Rafael Macabu, afirmou que nenhum estabelecimento foi autuado e os anúncios de descontos estavam dentro do que a lei determina. “Foram cerca de 8 km percorridos fiscalizando os estabelecimentos do município, o direito dos consumidores foi mais uma vez protegido pelo Procon”, ressaltou Rafael.
A população pode fazer denúncias de comércios que não estejam cumprindo a lei do consumidor e as recomendações de saúde e segurança do Decreto Municipal e OMS. Os canais disponíveis são: (22) 2771-6581 e [email protected]
Nenhum estabelecimento foi autuado e os anúncios de descontos estavam dentro do que a lei determina, segundo o Procon Divulgação
População pode fazer denúncias de comércios que não estejam cumprindo a lei do consumidor pelo (22) 2771-6581 e [email protected] Divulgação